A Associação Empresarial recebeu no dia 13 de Abril na sua sede em Fafe, o deputado ao Parlamento Europeu José Manuel Fernandes para a apresentar o Fundo Europeu para o Desenvolvimento Sustentável (FEDS).

Natural de Vila Verde e representante no parlamento europeu deste 2009, José Manuel Fernandes aceitou o convite da associação empresarial para falar aos empresários deste instrumento de investimento nos países africanos e da vizinhança europeia, que tem como objetivos principais a criação de emprego e o combate às causas profundas da emigração.

O eurodeputado começou a sua intervenção destacando que este fundo nasce da vontade de ajudar os países Africanos e que pretende mobilizar, até 2020, 44 mil milhões de euros. O FEDS aponta em 3 pilares: o de financiar, o de simplificar a cultura local no que diz respeito a burocracia e o de melhorar o ambiente politico. “Um dos objetivos deste investimento é o de travar as vagas de emigração para a Europa, e isso só acontece se forem dadas condições as populações de permanecerem nos seus países”, afirmou.

José Manuel Fernandes falou ainda que esta é uma oportunidade que “exige proatividade”. “É necessário as pessoas saberem as oportunidades existentes” e “é essencial que existam candidaturas para que os projetos sejam aprovados.” Neste momento já se encontram aprovadas 3 áreas de financiamento: energias renováveis, agricultura sustentável e digitalização.

Terminou a sua intervenção destacando este como um projeto importante tanto para os empresários como para os “países irmãos” por quem temos uma “responsabilidade histórica” em ajudar.

Hernâni Costa, Presidente da Associação Empresarial foi quem abriu as hostes da sessão, destacando o trabalho que a associação tem feito com os empresários no campo da internacionalização, nomeadamente nos países africanos de língua oficial portuguesa. “O nosso objetivo é o de orientar os empresários e ajuda-los no crescimento das suas empresas além-fronteiras”.

Laurentino Ferreira, diretor geral da associação empresarial e vice-presidente da comissão executiva de CE-CPLP, voltou a reforçar na sua intervenção, todo o caminho da internacionalização que a associação empresarial tem traçado com empresários. Apresentou ainda o trabalho do Instituto de Formação Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (IFLOP), do qual é presidente, e dos projetos que se encontram já a decorrer na Guiné Bissau e Guiné Equatorial.

Como convidado desta sessão, o cônsul da Guiné Bissau no Porto, Dr. José Manuel Pavão não quis deixar de enaltecer a vitalidade do trabalho que a associação tem desenvolvido no país que representa, tanto no apoio aos empresários através das missões que tem desenvolvido, bem como com o Instituto de Formação.

O presidente da Câmara de Fafe, Raul Cunha, encerrou este workshop exaltando a presença do Eurodeputado em Fafe e do seu trabalho como um apoio importante aos nossos empresários num processo tão complexo como este.

Esta sessão fez parte do projeto Associação Dinamiza e mais uma vez contou com um grande número de participantes.